Arte educação

"Espero que este blog contribua para a elaboração de trabalhos com arte, sejam bem vindos"

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

MODOS DE FAZER - TRANÇADO COM FIBRA DE TABOA

video

MODOS DE FAZER - FIBRAS DE PALMEIRA

video

MODOS DE FAZER - TRANÇADO EM PALHA DE MILHO

video

domingo, 7 de agosto de 2011

ATIVIDADE/FOLCLORE – BRINCANDO COM PETECA

INÍCIO -  Faça uma leitura formal e interpretativa da obra de Heitor dos Prazeres – Jogando peteca.

HEITOR DOS PRAZERES
(1898 - 1966)

Nasceu no Rio de Janeiro; Brasil.

Exímio tocador de cavaquinho chegou a criar um método revolucionário de ensino desse instrumento.
Fundou escolas de samba, entre elas a da Mangueira, e notabilizou-se como compositor de música popular.
Começou a pintar em meados dos anos 30 e seus temas de eleição eram mulatas, malandros, o samba e o mundo da favela. Participou da Bienal de São Paulo desde sua primeira edição, em 1951. Seu currículo inclui diversas individuais no Brasil e participação em mostras nacionais e internacionais.
Em Londres, um de seus quadros foi adquirido pela rainha, conforme nos informa Walmir Ayala em seu Dicionário de Pintores Brasileiros 2.ª ed. revista e ampliada, Editora UFPR, 1997.


MATERIAIS – papéis colorido color set, cola, tesoura. Jornal para fazer petecas.

ATIVIDADE -  Faça releituras com recorte e colagem. (recorte vários moldes de corpo em movimento, recorte vestidos coloridos, acessórios).

ATIVIDADE – Faça petecas com jornal  e brinque com os alunos.

www.belgaleriadearte.com.br
imagem de peteca -portaldoprofessor.mec.gov.br/ 

ATIVIDADE /FOLCLORE – PINTURA EM TECIDO

INÍCIO – Faça uma leitura formal e interpretativa a obra jogando pião de Aracy.
(Artista naif - Aracy nasceu em Mogi das Cruzes e começou a expor em 1985.)

                                               obra - Jogando pião
MATERIAIS – toalhinha de lavabo, tinta de tecido, pincel, molde vazado (cartolina-formato de pião), papel sulfite, lápis de cor.


ATIVIDADE – Faça algumas releituras em papel sulfite sobre a obra.
ATIVIDADE – Pinte uma toalhinha de lavabo, segurando o molde vazado e preenchendo dentro com tinta de tecido.
ATIVIDADE – Faça  com seus alunos um campeonato de pião. Dê brindes.




segunda-feira, 1 de agosto de 2011

ATIVIDADE/Folclore (ervas) – Quadrinhos com ervas desidratadas


INÍCIO – Converse com seus alunos sobre as características do Folclore, mais especificamente sobre as ervas caseiras para remédios, temperos...  frutos, sementes ou condimentos desidratados como, alecrim, salsinha, erva doce, hortelã, pimenta, alho, colorau...


MATERIAIS – quadrinhos de madeira (opção; quadrinhos de papelão), tinta acrílica/guache para fundo, cola, ervas desidratadas.


ATIVIDADE – Proponha aos alunos criarem quadrinhos com ervas desidratadas.
1-      Dê um fundo colorido com tinta nos quadrinhos.
2-      Organize as ervas desidratadas e e jogue cola por cima para plastificar.
3-      Faça exposição.

sábado, 30 de julho de 2011

VIDEO/MÚSICA/FOLCLORE - VATAPÁ - GAL COSTA


video

ATIVIDADE/FOLCLORE – BRINCANDO COM PIPA


INÍCIO – Converse com seus alunos sobre a vida e obra do artista  Andruchak, faça uma leitura formal e interpretativa.
- Fale sobre a história das pipas.

                                            Pipas 2004

Marcos Andruchak é muralista brasileiro, natural de Capanema/Pr. Atua como Artista Plástico, Professor e Designer. Doutor pela ECA-USP (Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo), além de  lecionar e atuar na pintura,trabalha com computação gráfica, design, animação e multimídia. Desde criança mostrou talento para as artes, desenvolvendo desenhos e ilustrações complexas. Passou pelo guache e aquarela e aos 15 anos de idade pintou seu primeiro óleo sobre tela.
Sua pintura busca mostrar o imaginário de situações reais, surreais ou abstratas, procurando sempre um estilo único, próprio, inspirado em tudo que considera atraente, desde pinturas, texturas, rabiscos e o estudo das cores que melhor se aplique a cada grafismo que produz.
Marcos Andruchak é um artista brasileiro atento às novas tecnologias de design e computação gráfica, como forma de valorizar sua arte.

HISTÓRIA DA PIPA

Pipa, Papagaio ou Pandorga é um brinquedo que voa preso a extremidade de uma linha ou barbante. Em geral, tem uma armação leve de bambu ou madeira, sobre a qual se estica uma folha de papel ou plástico. Os historiadores acreditam que tenha sido inventada entre 400 e 300 (AC) por Arquitas, um grego da cidade de Tarena. No entanto, os Chineses afirmam que um de seus generais Han Sin inventou em 206 (AC), para uso dos militares.
Em 1749 o Escocês Alexander Wilson, usou vários termômetros presos as Pipas para medir a temperatura nas alturas. Benjamin Franklin em 1752, utilizando uma pipa forrada de pano, demonstrou em um dia de chuva, que nas nuvens existe eletricidade estática, com isso foi criado o pára-raios. O inglês Douglas Archibald em 1883, prendeu um anemômetro ( Medidor de Vento ) à linha de uma pipa mediu a velocidade do vento a 360m de altura. A Aerofotografia com o auxílio de pipas é muito praticada desde o fim do século XIX. Guglielmo Marconi em 1901, usou uma pipa para erguer um antena e fez a primeira transmissão de rádio.
No fim do século XIX e início do século XX, o homem estava decidido a construir um máquina que lhe permitisse voar, nessa época ele só tinha duas referências de vôo, que eram as aves e a pipa. Muitos tentaram imitar os pássaros com suas máquinas sem sucesso, outros tentavam usando pipas. Em 1906, depois de vários testes o Brasileiro Alberto Santos Dumont, fez o primeiro vôo, usando um conjunto de pipas-caixas, acionadas por suas próprias forças.Este avião recebeu o nome de "14 BIS".
Origem do nome pipa
Pipa, nome dado ao "papagaio" de papel por ser semelhante ao recipiente pipa ( vasilha de madeira usada para guardar vinhos ), ver foto abaixo. Esse tipo de papagaio era confeccionado com três varetas, e foi usado por muitos anos. Foram criadas três versões: duas feitas com três varetas e uma com quatro. Com o passar do tempo, essas pipas ficaram conhecidas como pipas-modelo. No final da década de quarenta, surgiu a pipa pião (ver no site) vinda do Nordeste, e o cerol. As pipas-modelo, usavam lâminas de barbear para cortar a linha dos adversários, não resistiu ao cerol e a rapidez das pipas pião e foram extintas, dando lugar à atual cultura.

.

MATERIAIS – cola, tesoura, papéis de seda colorido, papel sulfite, papel color set, varetas, linha.

ATIVIDADES - 


1-  -  Faça com os alunos várias releituras com colagens de papel color set em papel sulfite. Depois peça aos alunos para escolherem uma para reproduzir na pipa.
2-   - Dê aos alunos um losango de papel de seda, peça que recortem papel de seda colorido reproduzindo uma das releituras da atividade anterior.
3
Confeccione as pipas e faça um festival – a pipa mais bonita. Dê prêmios, tire fotos, faça exposição.

http://www.ventodepipa.com.br/historia.html
www.overmundo.com.br







sexta-feira, 29 de julho de 2011

ATIVIDADE – ARTESANATO EM ARGILA



INÍCIO – converse com seus alunos sobre  artesanato em cerâmica, sobre a argila e suas cores, cerâmica feita em casa. Proponha a seus alunos esculpir vasos de argila com desenhos e colorir. (veja video - artesanato popular - modos de fazer ceramica decorativa).


1-    ATIVIDADE  -  Técnica do rolo

  São feitas tiras de argila, que são enroladas com as mãos  sobre uma superfície lisa até que se tornem cilíndricas.

        Com os rolinhos juntos entre si, sobrepostas e trabalhadas, pode-se obter todas  as formas  que se queira, de acordo com a  habilidade e técnica de cada um.
                              


2 – ATIVIDADE -Técnica da bola


Faz-se uma bola com argila e com o polegar faz-se um orifício. Vai rodando o polegar e o indicador, alargando o orifício.

Continua a estender a argila para cima e para fora. Mantém esta operação até obteres a forma desejada.

Este técnica aplica-se à elaboração de peças côncavas.



imagens retiradas do blog  -
http://10abeatrizpassos.blogspot.com/2010_10_01_archive.html